Em 2001, iniciou-se, em Garibaldi uma proposta para desenvolver o turismo rural no município, assim nasceu a Estrada do Sabor. Esse projeto envolveria famílias que teriam como principal atividade a agricultura e a agroindústria. Essas famílias implementariam sua renda a partir do turismo em suas residências, com a venda de produtos elaborados em suas propriedades.

     Família Bettú: Degustação de vinhos especiais.

    Família Jorge Mariani: O diferencial é a produção ecológica. Toda a recepção está pautada no estabelecimento da agricultura ecológica. Há degustação de vinhos e sucos ecológicos, pão, queijos e salames. Visita à residência da família, onde antigos utensílios hoje ganham lugar de destaque. O passeio dos turistas pela propriedade é feito pela carroceria de um trator.

     Família Odete Bettú Lazzari: No local, onde existiam alguns entulhos e umidade, hoje servem-se refeições. O porão continua tendo seu "chão batido", mas foi organizado e estruturado para o atendimento dos visitantes. Objetos antigos, guardados carinhosamente pela família, receberam lugar de destaque nas cristaleiras. A família resgatou antigas receitas, com destaque para a moranga recheada.

   Família Olir Brugalli: Produção e comercialização de copas e salames. Degustação de pães, queijos, salames, vinhos ou sucos produzidos no local.

     Família Vaccaro: Oferece uma opção diferenciada de refeições, onde receitas antigas da família são elaboradas, com destaque para a galinha recheada assada no forno a lenha. A família tem uma estrutura para atender grupos de até 40 pessoas. No local pode-se ainda fazer trilhas ecológicas com cascata, visita à vinícola da família, entre outras atividades.


© copyright 2012. Estrada do Sabor todos os direitos reservados.